Escolas sem aulas por falta de energia devido ao temporal em Bauru

Escolas sem aulas por falta de energia devido ao temporal em Bauru

A chuva forte que atingiu a região Centro-Oeste Paulista no domingo (10) deixou vários estragos nas cidades da região. EmBauru (SP), os ventos chegaram a 59 km/h e as aulas de escolas infantis e atendimentos em algumas Unidades Básicas de Saúde da cidade foram suspensos na manhã desta segunda-feira (11) devido à queda de energia, ocasionada pela chuva.

De acordo com a Secretaria Municipal de Educação, 220 alunos da rede municipal de ensino de Bauru ficaram sem aula no período da manhã. As escolas que suspenderam as aulas são a Emef Maria Chaparro Costa e a Emeii Monica Cristina Carvalho, ambas no Parque Santa Edwirges, além da Emei Vera Lúcia Cury Savi, localizada no bairro Nova Esperança. Segundo a assessoria de imprensa da prefeitura, a aula do período vespertino foi cancelada, mas como a energia voltou no início da tarde e os alunos que foram levados a escola foram atendidos.

A Escola Estadual Mercedes Paz Bueno também foi prejudicada pela falta de energia, porém funcionou normalmente na manhã desta segunda-feira. A energia voltou às 9h, permitindo a retomada das atividades.

Já a Secretaria Municipal de Saúde informou que algumas Unidades Básicas de Saúde suspenderam os serviços de aplicação de vacinas, também devido à falta de energia provocada pelo temporal. A suspensão dos atendimentos permanecerá até que a qualidade das vacinas seja avaliada pelo Departamento de Saúde Coletiva. O material já foi enviado para análise e ainda não há uma previsão para divulgação do resultado da avaliação. 

As UBSs que tiveram o serviço interrompido são as unidades dos bairros Vila Nova Esperança, Falcão, Geisel, Mary Dota, Vila Cardia, Núcleo Habitacional Gasparini, Nove de Julho, Vila Dutra e Pousada da Esperança II. Na Unidade de Saúde da Família de Santa Edwirges estão suspensos os serviços de aplicação de vacinas e atendimento odontológico.

Estragos
De acordo com a Defesa Civil de Bauru, a chuva foi rápida, houve granizo e alagamento na rua Alfredo Maia e na avenida Nações Unidas. Os bombeiros receberam pelo menos 30 chamados por causa de queda de árvores. Muitas atingiram a rede elétrica, deixando parte da cidade no escuro. Mais de 30 mil pessoas passaram o domingo sem luz durante boa parte da tarde e início da noite.

Várias árvores e galhos continuavam caídos pela cidade na manhã desta segunda-feira. Os bombeiros trabalharam durante a noite de domingo, mas não conseguiram retirar tudo das ruas. Algumas pessoas não conseguiram fazer contato com o Corpo de Bombeiros no domingo porque o 193 estava com problemas. Em alguns endereços, os bombeiros aguardam a CPFL desligar a energia para que eles possam retirar os galhos da rede elétrica.

Já a Emdurb realizou a limpeza na quadra quatro da avenida Nações Unidas, sob a linha férrea, em ambos os sentidos. A terra acumulada da chuva foi varrida com a ajuda de máquinas. Algumas ruas estão interditadas por causa da queda de árvores. São elas a avenida Engenheiro Hélio Pólice, quadra um; o cruzamento da Avenida Nações Unidas com a Rua Inconfidência; o cruzamento da Avenida Nações Unidas com a Rua Aparecida;  o cruzamento da Rua Monteiro Lobato com a Avenida Rodrigues Alves; e a Rua Floripes Silveira de Souza, no bairro Nova Esperança.

Devido a queda de energia, vários semáforos apresentaram problemas. A Emdurb também está trabalhando na reparação de controladores, fusíveis queimados, trocas de módulos, desalinhamento de focos principais e repetidores. Na cidade, não há registro de desabrigados.

Em Tabatinga, segundo a Polícia Militar, a chuva durou cerca de meia hora e foi acompanhada de granizo e vento forte. Cerca de 50 árvores caíram. A vicinal Angelino Gentil Cardilli, que liga a cidade ao distrito de Curupá, foi interditada por conta das árvores caídas na pista. Algumas casas foram parcialmente destelhadas. Alguns bairros ficaram sem energia e sem telefone durante várias horas. A situação foi normalizada durante a madrugada.

A chuva deixou estragos também em Marília. Uma árvore caiu em cima de um carro na Vila Altaneira e algumas regiões da cidade ficaram sem energia elétrica durante o período da tarde. Já em Assis, a tempestade durou cerca de meia hora. Os bombeiros atenderam pelo menos 20 ocorrências na Vila Progresso e, na Vila Souza, as árvores atingiram a fiação elétrica e os moradores ficaram sem energia.

Uma casa foi atingida pelos galhos, mas sem gravidade. A concessionária que atende a região conseguiu restabelecer a energia no início da noite. No parque universitário uma árvore impediu o trânsito em uma rua do bairro. Apesar do susto, ninguém ficou ferido, de acordo com os bombeiros. Após a chuva o  terminal de ônibus ficou alagado.

Uma torre caiu em cima de uma casa em Itápolis. Segundo informações da Polícia Militar, é uma torre de internet via rádio que caiu por conta da chuva. A torre ficou apoiada no telhado da casa, mas não chegou a quebrar nada. Não houve nenhuma vítima. Várias árvores caíram nas ruas e alguns pontos da cidade ficaram sem energia. Os bombeiros trabalharam durante o domingo na retirada de galhos e árvores. Ninguém ficou ferido.

Em Jaú, várias árvores caíram e várias ocorrências foram registradas. Uma árvore caiu sobre a linha férrea na Vicinal José Maria Verdini. No Jardim Padre Augusto Sani uma das árvores caiu sobre um carro. Uma telha de um barracão no Jardim Maria Luiza 4, foi arrancada com a força do vento e caiu no quintal de uma casa, em cima de um carro, quebrando o beiral da residência.

Jovem ferida
Em Pirajuí, parte de uma casa desmoronou e uma mulher de 21 anos, que estava no sofá da sala, foi atingida pelos escombros. A vítima foi levada pelo Samu para o Hospital de Base de Bauru com ferimentos graves.

Segundo informações do hospital, atualizadas na manhã desta segunda-feira, a jovem permanece internada na UTI. A família não autorizou divulgação do estado de saúde dela.

Segundo a Polícia Militar de Pirajuí, além da casa que desabou, cerca de dez casas vizinhas foram parcialmente destelhadas. Os próprios moradores estão providenciando o conserto e não precisaram sair das casas.

Em nota, a Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL) informou que o temporal da tarde de domingo foi acompanhado de raios, ventos fortes e quedas de árvores. A chuva afetou o fornecimento de energia elétrica para cerca de 150 mil clientes nas regiões Noroeste e Nordeste do Estado de São Paulo. O pico das ocorrências foi às 21h e a distribuidora disponibilizou todas as equipes de campo para restabelecer o serviço, o mais rápido possível.

A CPFL ressaltou que as equipes encontraram dificuldades em alguns pontos, devido à queda de árvores de grande porte, dando prioridade ao atendimento a hospitais, escolas e outros órgãos públicos, além de consumidores com UTI domiciliar.

Por volta das 19h mais de 2 mil e 700 clientes continuavam sem luz na região, segundo o levantamento da CPFL. Se a energia não voltar até o horário apontado pelo gerente da concessionária, é preciso ligar no 0800-010-1010.

Aluguel e locação de gerador

Power Brasil Geradores (11)4368-1882

Comente essa notícia

Últimas postagens

CONHEÇA NOSSOS PRODUTOS

A Power Brasil Geradores possui vários grupos de geradores modernos, silenciosos e todos com um controle severo de qualidade e manutenção para uso contínuo em qualquer segmento.

Saiba mais [+]

SOBRE A POWER BRASIL

A Power Brasil Geradores é especializada em Locação de Grupos Geradores e infraestrutura Temporária desde 1996 tendo como foco a excelência no atendimento e demanda de energia.

Saiba mais [+]

ATENDIMENTO PERSONALIZADO

O principal foco da Power Brasil é atender cada cliente, independente do porte ou segmento, com agilidade e qualidade...

SUPORTE
TÉCNICO

Assistência completa sempre que precisar. O departamento de Engenharia da POWER BRASIL está apto a prover soluções inovadoras...

MANUTENÇÃO
PREVENTIVA E
CORRETIVA

Oferecemos manutenção preventiva a fim de evitar danos maiores aos grupos geradores por conta do uso frequente ou até mesmo esporádicos...

CONSULTORIA EM HORÁRIO DE PONTA

Reduza em até 30% na conta mensal de energia elétrica através da locação de geradores. O horário de ponta é o intervalo de 3 horas, definido de acordo com a concessionária local...



Geradores da Power Brasil em diversos segmentos

Localização

Matriz
Av. Padre Anchieta, 740A - Bairro Jordanópolis - São Bernardo do Campo/SP - CEP: 09891-420

Unidade Fortaleza
Av. Odilon Guimarães, 2027 - Lagoa Redonda - Fortaleza/CE - CEP: 60844-070

Unidade Jaú
Av. João Chamas, 1389 - Jd. Nova Jaú - Jaú/SP - CEP: 17213-485

Contato

Telefone de contato (11) 4368-1882
Telefone de contato (14) 3625-1303
Telefone de contato (85) 3119-9616
Contato Fone de contato

Ações Sociais

Patrocínio Fundação Cafu
Campanha criança feliz
A jornada do Rinoceronte
Copyright © 2015 Power Brasil Geradores - Desenvolvimento Agência
/Sem Limites